Iniciado desafio #vempromate, edição 2016
< voltar
16 de Abril de 2016
O Dia do Chimarrão, 24 de abril, será comemorado novamente, este ano, com uma grande roda virtual de chimarrão. O desafio #vempromate quer inundar as mídias sociais com pessoas mateando, em homenagem à amizade e hospitalidade que a bebida inspira
Quando você digita #vempromate nos sistemas de busca de mídias sociais, em especial Facebook, Instagran e Twitter, fica fácil entender a razão pela qual a ‘bebida do gaúcho’ é símbolo de amizade e hospitalidade. As fotos que aparecem no relatório da pesquisa, relativas à edição de 2015, evidenciam o quanto o chimarrão é popular. Não tem lugar, nem hora do dia, quanto menos tempo ruim. Crianças apreciam, adultos, idosos, homens e mulheres... O mate é companhia no trabalho, na sala de aula, nos momentos de lazer, quando se está sozinho ou acompanhado, com pilcha e sem pilcha.

Em comemoração ao Dia do Chimarrão, que é 24 de abril, as entidades organizadoras reuniram-se de novo neste ano, para repetir o evento. A iniciativa surgiu no Movimento Tradicionalista Gaúcho, que somou forças com o Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore, Comissão Gaúcha de Folclore, Instituto do Chimarrão e Estância da Poesia Crioula. O slogan será novamente ‘Pela paz mundial’.
     Segundo o presidente do MTG, Nairo Callegaro, o sucesso da campanha em 2015 surpreendeu. ‘Estatisticamente, conseguimos mensurar mais de 15 mil participações’. A ação não é voltada somente para tradicionalistas. ‘O chimarrão é patrimônio de todos os gaúchos. O MTG é uma das entidades que zelam pela preservação desse costume, mas de forma alguma é o proprietário do jeito de fazer chimarrão’. Na sua opinião, o hábito admite variações, seja na decoração da cuia, no requinte das térmicas, na composição da erva-mate, mas para além disso está a simplicidade de cevar um mate como companhia, ou para receber amigos. ‘Ninguém convida um desafeto para uma roda de mate, não é mesmo?’, avalia.

     Segundo a Comissão Gaúcha de Folclore, a campanha #vempromate mostra nas redes sociais o quanto o povo gaúcho aprecia sua bebida símbolo e se orgulha dela. Além disso, desperta a curiosidade pelo folclore que envolve esta bebida tradicional, avalia o vice-presidente da instituição, Rogério Bastos. “Adoramos tomar um mate, mas para gostar de verdade precisamos conhecê-lo. Esta campanha desperta essa curiosidade”, afirma.

     Segundo a presidente do Instituto Escola do Chimarrão, Liliane Papen, o #vempromate carrega em seu âmago, a exemplo da roda física de chimarrão, onde todos tomam da mesma cuia e bomba num silencioso tratado, os valores de respeito, igualdade e hospitalidade. “O Instituto Escola do Chimarrão orgulha-se de contribuir para a construção da roda virtual mais democrática da história do chimarrão em seus quase 500 anos de descobrimento”, afirma.

     Segundo o presidente da Estância da Poesia Crioula, Wilson Tubino, certamente o chimarrão é o mais importante símbolo de união e hospitalidade em nossa terra. “Numa Roda-de-Mate nivelam-se todos, de tal forma que superam todas as barreiras e preconceitos de credos, cor ou condição social”, afirma. Tubino relembra que muito antes da chegada dos conquistadores já imperava o mate, como um ritual religioso dos índios Guaranís, através do qual se comunicavam com os espíritos dos antepassados e com deus Tupã, o Deus do Bem. “Eles ofereciam esta bebida sagrada aos visitantes, numa prova de amizade e acolhimento em sua tribo”, afirma.

     O lançamento do Vem Pro Mate deste ano será durante o Entrevero de Peões, concurso realizado anualmente pelo MTG, que escolhe o Peão do Estado, pelo período de um ano. O período de realização é de 16 a 24 de abril. Além do desafio virtual, quem desejar também poderá realizar mateadas presenciais e postar as imagens nas mídias sociais, sempre com as hashtags #vempromate #pelapazmundial.